was successfully added to your cart.

Carrinho

Category

Sem categoria

2nd project meeting in Poland: Hands-on for the creation of the educational resources!

By | Sem categoria

“As Industry 4.0 is changing the future of the aeronautical companies, Sky4.0 partnership is working extensively to support it!”

In this transition towards the 4th industrial revolution, the human capital should not be overlooked in the face of technology, but instead reinforced with a resourceful set of soft skills that will enable its optimization – favoring creativity, innovation and the success in a dynamically changing technological work environment.

In view of the above notions, the Sky4.0 partnership met on the 18th of September in Rzeszów, Poland, for the 2nd Transnational Project Meeting and the first multiplier event of the project.

The day started with interactive presentations where the project was presented and the idea of the soft skills training was unfolded to the spectators, together with the aims, objectives and promised results of the future, and an open discussion facilitated.

After the successful event, the project meeting took place and partners tentatively reviewed the desk research that was concluded, and worked to define the very first structures of the educational material that will be developed in the next months. The current focus is for current workers in the aeronautical and aerospace industry who will be supported by detailed didactic units, trainers books and workbooks and extensive material to support sessions implementation.

Finally, partners had the chance to attend the event days of another Erasmus+ program, the Learn&Fly, where students competed in the development of sliders and learned science through the process! The youth´s enthusiasm to find about the aeronautical industry is a boost for Sky4.0 who in the next period will address students directly by producing another set of educational material for this future workforce!

Reunião de arranque do SKY 4.0 em Portugal

By | Sem categoria

Nos dias 11 e 12 de fevereiro de 2019, o consórcio Sky4.0 reuniu-se pela primeira vez em Matosinhos, Portugal, numa reunião estratégica de arranque que reuniu os parceiros de 4 países (Polónia, Portugal, Espanha, Turquia) com o objetivo de moldar o futuro para o capital humano da indústria aeronáutica, atendendo à revolução da Indústria 4.0.

O Sky4.0, projeto que visa uma intervenção ambiciosa e altamente promissora, pretende desenvolver currículos e módulos de formação em torno de trés conjuntos específicos de competências, nomeadamente as competências sociais, competências de desenvolvimento de carácter e competências de Desenvolvimento Pessoal, que devem fornecer uma base para decisões positivas e relevantes no dia-a-dia dos funcionários. Totalmente comprometidos com este objetivo, os parceiros delegaram as responsabilidades para a próxima fase do projeto e reforçaram o plano estabelecido, definindo pontos qualitativos relativos aos recursos a produzir, que estarão disponíveis para todos os interessados.

Sob a orientação do coordenador Aviation Valley, o consórcio Sky4.0 trabalhará intensamente e materializará os seguintes três produtos intelectuais:

O1. Seleção da literatura relevante, relatórios e boas práticas sobre a transição para a Indústria 4.0 do setor aeroespacial e da aeronáutica e preparação de um pack de informações para os trabalhadores atuais.

O objetivo deste O1 é aprofundar o conhecimento sobre as soft skills necessárias para a implementação da indústria 4.0 e seu papel na construção de competitividade das empresas, principalmente no setor de aviação. O desenvolvimento deste intelectual output inclui um conjunto de atividades que visam o desenvolvimento e a avaliação de pacotes de informação e formação sobre soft skills identificadas como cruciais para a implementação da Indústria 4.0 em países parceiros. Os resultados desenvolvidos neste O1 serão adequados às necessidades dos trabalhadores da indústria aeronáutica atual.

 

O2. Materiais de formação e CV sobre Soft Skills da Indústria 4.0 para futuros trabalhadores do setor aeroespacial

Este IO aborda um dos grupos-alvo das atividades de formação do Sky 4.0: do ensino secundário técnico-profissional, assim como estudantes de ensino profissional superior, que podem vir a tornar-se futuros trabalhadores nas empresas da indústria aeronáutica 4.0. Materializa o objetivo do projeto de aproximar o conceito e as exigências da Indústria 4.0 à comunidade estudantil, para que possa aumentar a empregabilidade futura desses jovens, promovendo a aquisição de capacidades e competências que os estudantes de ensino técnico possam precisar no seu futuro emprego em empresas da indústria 4.0.

 

O3. Orientações para a implementação e uso dos materiais informativos, currículos e materiais de formação de soft skills para a Indústria 4.0. no setor da aeronáutica.

Tendo em consideração os resultados preliminares do O1 e O2, o projeto irá desenvolver diretrizes e outros materiais para apoiar a implementação dos módulos. À semelhança do que acontece no O1 e O2, onde um manual de formandos (Manual & Livro de Exercícios) será desenvolvido para aglomerar todas as informações e atividades, no O3 será criado um manual de formação para apoiar a implementação de ações de formação para melhor atender às necessidades identificadas do setor, e para assegurar a sustentabilidade dos resultados do projeto, os Parceiros desenvolverão um WHITE PAPER claro e abrangente abordando questões-chave para a implementação do Conceito Indústria 4.0 em empresas de aeronáutica. Para apoiar na implementação atual da Indústria 4.0, este IO também prevê uma atividade conjunta de “formação de formadores e gestores de RH”, que terá lugar durante a M28 na Polónia.

Focar as Soft skills – O fortalecimento e capacitação do capital humano na Indústria 4.0

By | Sem categoria

A complexidade e a exigência da indústria aeroespacial fazem desta um alvo perfeito para as tecnologias da Indústria 4.0. A digitalização e a interconexão dos meios envolvidos no fabrico e produção tornam possível uma produção mais rápida, segura e barata.

As empresas aproveitam a oportunidade para fortalecer as suas cadeias de fornecimento globais, atraindo fornecedores para a rede, interligando-os através de uma ampla gama de tecnologias baseadas em processamento de dados. Os produtos baseados em dados e análise de dados têm sido usados para explorar novos modelos de negócios dentro da indústria e contribuem para a melhoria das receitas e dos métodos de produção.

A estrutura para a transformação digital da indústria aeroespacial estende-se desde da computação em nuvem e da tecnologia móvel; ao uso de realidade aumentada, análise de big data, sensores inteligentes, tecnologias de deteção de localização até ao interface avançado homem/máquina. Todos elas tecnologias baseadas nos princípios da revolução da Indústria 4.0.

A natureza destas novas tecnologias exigirá mais de todos os membros da força de trabalho em termos de gestão de complexidade, abstração de pensamento e resolução de problemas. Os funcionários terão que agir de forma mais independente e contar com melhor capacidade de comunicação e métodos de organização do seu próprio trabalho. As competências transversais, nomeadamente as que estão relacionadas com caráter humano e as relações interpessoais, terão um papel mais proeminente na cadeia de produção aeronáutica.

Competências como iniciativa, pensamento crítico ou curiosidade intelectual, vão exigir formação e supervisão adequadas que garantirão que cada indivíduo envolvido na cadeia de produção saiba como usar e aplicar essas competências. Assim, novas competências e qualificações pessoais serão necessárias.

Para resolver este problema educacional, serão necessários novos módulos de formação focados nas soft skills e competências sociais. A falta deste tipo de preparação pode levar a erros humanos fatais e perdas financeiras que podem ser evitáveis.

No Sky4.0 reconhecemos como pedras basilares, 7 soft skills essenciais:

  • Flexibilidade cognitiva
  • Curiosidade intelectual
  • Pensamento analítico
  • Pensamento crítico
  • Capacidade de adaptação
  • Iniciativa
  • Comunicação Eficaz em Ambiente Digital

Sky4.0 – uma ideia inovadora, um consórcio experiente para apoiá-la!

By | Sem categoria

A nova revolução industrial é agora uma realidade em todos os setores da indústria europeia (Indústria 4.0). Esta revolução é mais visível nos setores líderes, como o setor aeroespacial, que se encontra agora em processo de implementação de sistemas tecnológicos mais avançados, desenvolvidos com vista a responder aos novos desafios da indústria. Por conseguinte, existe a necessidade de desenvolver uma série de competências nos trabalhadores do setor aeronáutico, nomeadamente da área da Manutenção e Fabrico. Estas competências não são técnicas, mas sim competências transversais – soft skills. A capacidade de tomar a melhor decisão, num estado de equilíbrio mental, pode ser a diferença entre uma operação sem ocorrências ou com erros humanos que poderá levar a consequências fatais. Assim, continua a ser um desafio fazer acompanhar o desenvolvimento da tecnologia, com a melhoria das competências sociais dos trabalhadores.

O objetivo do presente projeto é construir currículos e módulos de formação em torno das soft skills exigidas pela implementação da Indústria 4.0, a saber: competência social e competências de desenvolvimento pessoal. Para tal, o projeto do Sky 4.0 vai focar-se em três prioridades estratégicas principais:

  1. Desenvolvimento e melhoria de aptidões e competências relevantes e de alta qualidade, apoiando os diferentes grupos-alvo do projeto na aquisição e desenvolvimento de SOFT SKILLS FUNDAMENTAIS, a fim de promover a empregabilidade, o desenvolvimento socioeducativo e profissional. Estes grupos-alvo são: a) empresas de aeronáutica e seus trabalhadores; b) Formadores e instituições de EFP; c) Jovens estudantes de escolas secundárias e técnicas do setor aeronáutico; d) Gestores de recursos humanos e de e gestores de equipa em empresas de aeronáutica.
  2. Implementação de práticas inovadoras e desenvolvimento de parcerias destinadas a promover a aprendizagem em contexto de trabalho em todas as suas formas. No âmbito do projeto serão elaborados novos materiais de formação, tanto para trabalhadores atuais, assim como para futuros trabalhadores do setor da aviação, incluindo qualificações de EFP conjuntas. A ideia é aplicar o conhecimento em materiais de formação práticos, com base na vida real e em situações de trabalho e, ao mesmo tempo, incorporar experiência internacional (mobilidade).
  3. Reforçar ainda mais as competências essenciais no EFP, incluindo metodologias comuns para introduzir essas competências nos currículos, bem como para adquirir, fornecer e avaliar os resultados de aprendizagem desses currículos.

Desta forma, as empresas poderão construir um conjunto robusto e efetivo de capacidades por meio de desenvolvimento pessoal, que contribuirão para a melhoria do processo de decisão: decisões relevantes e positivas. Assim, as empresas não contarão apenas com os melhores técnicos, mas também com trabalhadores mais empenhados e cientes das suas responsabilidades.

Por fim, a melhoria das competências dos funcionários na indústria aeronáutica contribuirá para o desenvolvimento de recursos humanos melhor preparados para responder aos desafios da indústria 4.0.